Amargo

E por tudo que eu disse a ti
Eu queria me desculpar com você,
Queria dizer coisas bonitas,
Coisas que poderiam descrever você,
Cabelos, sorrisos, olhos tranquilos;
Vozes, palavras, manias perdidas;
Sentimentos, falta de alegria;
Raiva, coragem, ódio e amor.;
Tanta coisa pra você.
Tanta alma querendo ser
A alma gêmea de outro ser.
Basta buscar, querer encontrar.
Basta querer, basta tentar.
Mas apesar de tudo,
Juro que tentei me desculpar contigo.
Mas agora já nem sei,
Procuro aqui comigo uma parte tua.
Nem que seja… pura amargura.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s