Resenha: The Heart Of Betrayal – Mary E. Pearson

Olá galera, tudo bom? Hoje eu vou falar sobre o segundo volume da série Crônicas de Amor e Ódio, The Heart Of Betrayal.

Na resenha de hoje, eu não vou apenas dar as minhas impressões sobre esse livro, como vou falar também sobre como devorei essa leitura e como eu fiquei após ela.

Então não parem de ler agora e continuem comigo!

RESENHA-THE-HEART-OF-BETRAYAL-MARY-E-PEARSON

Bom, o que eu posso dizer é que, neste volume a Mary E. Pearson continua numa escrita totalmente misteriosa. Claro que já sabemos exatamente quem é o assassino e quem é o Príncipe, assim como Lia, também, descobre quem são eles, mas eu não vou contar para vocês de jeito nenhum rsrsrs.

Quem não leu vai ter que descobrir sozinho!!

Enfim, o que eu quero dizer é que, Lia chega no reino de venda e se depara com um reino que passa fome cujos guerreiros são conhecidos como os mais crueis.

E, como todo reino, Venda também tem seus mistérios. E é nesse momento que o Dom de Lia começa a se sobressair. E com livros roubados do reino de Morrighan ela começa a descobrir que tudo o que aprendeu durante a vida toda sobre as histórias pode ser mentira.

Ela finalmente conhece o Komizar!

E não existe pessoa mais detestável que o Komizar!!

O Komizar é um personagem que basicamente é um ditador, conhecemos um pouco da história dele e de outros personagens que vão surgindo ao decorrer de The Heart Of Betrayal.

Contudo, mesmo conhecendo um pouco sobre esse personagem e tendo uma minúscula empatia sobre ele, é muito difícil não detestá-lo a história toda.

Isso acontece por que, esse vilão, foi muito bem construído, concluindo seu papel de ditador até o final da história.

E, olha que engraçado, mesmo ele sendo um ditador pelo qual todos tem medo, menos Lia (aparentemente), o povo de venda possui um grande respeito por ele.

Mas eu sinceramente não vejo como respeitar um personagem que faz com que muitos o temam e ao invés de solucionar de vez o problema da fome e do frio do povo, prefere vender a imagem de esperança através de Lia.

Inclusive isso é algo que Lia frequentemente se pergunta, por que no Sanctum há comida para todos os governadores e o povo passa fome?

Sem falar que, frequentemente o Komizar é uma pessoa agressiva com Lia e aparece com ideias pra cima dela que são absurdas.

O que mais me deixou com medo em The Heart Of Betrayal

Conforme eu ia conhecendo o Komizar e vendo cada vez mais a coragem da Lia se sobressair, eu ia ficando com medo de que algo bem ruim fosse acontecer com ela.

Eu juro que pensei que a Mary E. Pearson em algum momento ia transformar essa história em tragédia e fazer com que Lia fosse abusada ou apanhasse até a morte.

Claro que, ela foi maltratada durante a história de diferentes formas bem agressivas, mas esta é uma personagem forte capaz de vencer qualquer obstáculo.

Então o crescimento de Lia ao decorrer de todo o livro foi ainda maior em comparação ao anterior The Kiss Of The Deception.

O príncipe e o assassino

Impossível odiar eles!

A imagem que a Mary E. Pearson construiu de ambos no primeiro volume é cultivada em The Heart Of Betrayal.

Achei que fosse odiar o assassino de Lia, mas pelo contrário, só consegui me apaixonar por ele ainda mais, assim como o príncipe.

Tanto um quanto o outro demonstram grande amor por Lia, mas ela deve escolher apenas um deles, e claro que, eu torço muito pelo príncipe, mas não por ele ser o príncipe, mas pelo jeito dele que me conquistou.

Em meio à história, vamos conhecendo cada vez mais os lados que não conhecemos antes de cada um desses personagens, dessa vez com mais profundidade.

Se antes eles davam um ponto de vista, agora, eles se abrem mais e permite que o leitor saiba quem são eles de verdade e como se sentem.

Essa sensibilidade da Mary E. Pearson em contar sobre como cada personagem é aqueceu muito o meu coração.

E, esse foi um dos motivos pelo qual eu li sem parar!

O Final de The Heart Of Betrayal

Se estão pensando que eu vou contar o final, estão muito enganados!

Eu só quero dizer mesmo que: gente, o que foi aquele final hein?

Meu coração bombeou sangue a uma velocidade incrível por que eu fiquei até mesmo ofegante.

O desfecho de The Heart Of Betrayal simplesmente foi incrível, de dar uma ansiedade louca e simplesmente a cereja do bolo desses dois primeiros livros.

Eu fiquei boquiaberta com toda a reviravolta que a história teve, por que eu simplesmente não imaginei que o final do livro fosse acabar daquele jeito.

Quem leu, depois me conta o que achou que ia acontecer, por que eu achei imprevisível. Aconteceram coisas ali que eu achei que fosse acontecer apenas no último livro, desfecho de toda a trilogia.

Então fiquei simplesmente impressionada!

Como eu fiquei depois de terminar The Heart Of Betrayal

Completamente louca!

Quando eu comecei a ler esses dois livros (os únicos que eu tenho da trilogia) eu não achei que não fosse encontrar The Beauty Of Darkness nas livrarias online.

Eu achei que, por muita gente gostar da história e ser fã da Mary E. Pearson, esse livro nunca estaria esgotado.

Pelo contrário, tomei no focinho!

Não achei ele nem na loja da editora Darkside e quando achava em algum lugar, com um valor extremamente abusivo, chegando a custar o dobro e às vezes até o triplo do valor que esse livro custa.

Procurei em sebos, procurei em grupos do facebook, entrei dia após dia nas livrarias online e não encontrei esse volume.

Eu simplesmente fiquei devastada por que eu queria saber o que acontece em The Beauty Of Darkness (por favor, quem souber, não me conta).

E sigo nessa luta ainda, infelizmente!

Pra finalizar…

A escrita de Mary E. Pearson é muito envolvente, em nenhum momento a qualidade dela decai, pelo contrário, ela tem uma evolução grandiosa ao decorrer das histórias.

Sem falar que, as edições são maravilhosas, de capa dura e de muita qualidade e bom gosto.

Eu me senti abraçada pela história durante toda a leitura e, mais uma vez, não tenho um ponto negativo para dar. Apenas a recomendação de que os leitores embarquem também nesta leitura e se deixem se apaixonar pelo mundo de Morrighan.

Lia nos conquista com seu crescimento, assim como vai conquistando cada personagem também, criando laços que são difíceis ou impossíveis de se quebrar.

Não tenho dúvidas de quem ler The Heart Of Betrayal vai se apaixonar por ela também.

Uma boa leitura a todos!!

Hugs and Kisses :*

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s